domingo, 29 de maio de 2011

Para Sempre Você

Você pode me odiar,
que eu te amarei.

Você pode tentar me matar,
que eu lutarei por sua vida.

Você pode me entristecer,
que no mesmo instante retiro um sorriso teu.

Você pode me ignorar,
que eu faço tudo para te encontrar.

Você pode até mesmo não existir,
que eu criarei você.

Você pode me bater,
que eu te faço carinho.

Você pode me fazer chorar,
que eu ofereço o meu ombro quando precisar.

Você pode me excluir de sua vida,
que eu te incluo na minha.

Você pode não ser você,
que eu serei outro para te ter.

Você pode fugir de mim e se perder,
que eu te ajudo a reencontrar o caminho.

Você pode me jogar ao chão,
que eu te ofereço apoio para levantar.

Você pode ter vergonha de mim,
que eu fico em oculto só para te ter.

Você pode passar e nem me olhar,
que eu incisto em tentar.

Você pode até ir para o outro lado do mundo,
que eu faço do mundo o amor entre nós.

Você pode casar-se,
que eu ainda te esperarei.

Você pode pedir minha ajuda com outro,
que eu te ajudo apenas para ver-te feliz.

Você pode me procurar somente nos momentos de desespero,
que eu estarei pronto a te ajudar.
  
Você pode até mesmo me matar,
que eu renasço novamente para te amar.

Você pode, você pode, você pode...
Faça tudo que desejar, que ainda fico a te aguardar!
Por: Wesley Carlos

4 comentários:

  1. Wesley, suas palavras são lindas. Parabéns!
    Você é um ser muito pensativo, parabéns novamente por ser um ótimo escritor! Beijos.

    Queiliane Ribeiro

    ResponderExcluir
  2. Wesley, cada vez que leio um de seus textos me encanto mais. Li muitos dos seus textos no ADR, mas esse texto me parece diferente. Esse texto é mais sentimental e você se coloca no papel de quem sente a mais linda e dolorosa forma de Amor, o Amor de servidão, platônico, com "A" maiúsculo. Sei que este tipo de amor é muito inspirador, mas espero que não o tenha de verdade pois ele vem acompanhado de muito sofrimento.
    Milhões de Beijocas!
    Larissa de Souza

    ResponderExcluir
  3. Wesley, confesso que adorei de verdade seu poema e do seu blog...Agradeço por visitar e gostar do meu blog, adorei seu comentário lá, e como retribuição também visitarei seu blog sempre! Em relação ao seu poema...Ficou maravilhoso, mesmo sendo ao contrário do meu!kkk...
    Nesse seu poema a força desse seu amor e linda, e um querer bem a pessoa amada mesmo sendo um amor não correspondido.
    Quando eu fiz o meu poema "Chega" eu estava nessa mesma situação, a situação de chegar ao ponto de entregar-me a esse amor, mesmo não sendo amada, eu era simplesmente rejeitada por alguém que eu amava tanto. Mas houve que eu acordei e vi que "não valia a pena", minhas amigas me tinham avisado para não me apaixonar, e eu boba e tola me apaixonei. Conclusão, peguei um papel, um lápis, sentei na minha cama e comecei a escrever o poema "Chega", eu estava com tanta raiva que com graça terminante acabei escrevendo que paixão é furada!kkk

    Abraços...Soraia...Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Olá caro amigo Wesley

    Depois do nosso bate-papo pelo msn hoje, isso só me reforço em mim a imagem de grande escritor e que um futuro brilhante está reservado para ti com teus textos incríveis e maravilhosos. tenha cuidado ao receber críticas das pessoas que não gostarem do seu jeito unico de escrever, não deixe que isso tire seu entusiasmo nunca de sempre estar escrevendo e tirando palavras lá do mais profundo do seu coração.

    A respeito do post, o meu comentário é que é fantastica essa dualidade de posições em que você se coloca pra escrever. isso é típico das pessoas bem receptivas que vêem os outros como verdadeiros amigos e não se importam se sua atitude será reconhecida ou não da mesma maneira que investe sua conduta. Parabéns pelo post. e não se esqueça: retire seus sonhos da gaveta que você engavetou: sua felicidade pode estar lá.... já pensou nisso!


    abraços

    boa noite meu caro amigo!
    até mais ver!

    ResponderExcluir

Gostaria de agradecer, por você ler e comentar nos artigos postado neste blog, pois escrevo com amor e fico feliz quando vejo um pedaço da Essência de vocês aqui em baixo. Quando você comenta me dá a direção a qual devo tomar, o que tenho que escrever e/ou esclarecer.
A Essência agora está em você: Comente!!
Obrigado.