quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Apaixonar-se


Hoje eu acredito não acreditando
Que eu te amo mesmo te odiando
Sei que a raiva também fornece carinho
E que sozinho não fico tão sozinho
O medo às vezes me dá coragem
E o silêncio sempre é o barulho do meu dia
A alegria que me causa tristeza
É hoje a grande vereda dessa vida sem vida
E sorrindo da triste história
Vou seguindo mesmo estando parado
E o caminho sem rota e espaço
A cada dia mais me leva ao embaraço
Começando sem o inicio ao fim ainda não visto
Falando sem palavras com voz inaudível
E toda a perfeição imperfeita
É hoje o que mais me encanta
E sem admiração te olho
E com admiração te beijo
E sem admiração te amo
E com admiração lhe desejo...
 Por: Wesley Carlos

Um comentário:

  1. Nossa eu amei,Muito lindo esse poemaa' amigo sempre escrevendo' te amooo meu escritor favorito ' amei esse Poemaa' e Pode ter certezaa que amei cada palavra e me apaixonei pelo poema' Bjus

    (G_G) Karina Barros'

    ResponderExcluir

Gostaria de agradecer, por você ler e comentar nos artigos postado neste blog, pois escrevo com amor e fico feliz quando vejo um pedaço da Essência de vocês aqui em baixo. Quando você comenta me dá a direção a qual devo tomar, o que tenho que escrever e/ou esclarecer.
A Essência agora está em você: Comente!!
Obrigado.